Ítalo Ferreira é ouro em Tóquio e 1º campeão olímpico no surfe

Ítalo é o atual campeão mundial venceu a final contra o japônes Kanoa Igarashi – Foto: Divulgação

O brasileiro Ítalo Ferreira tirou onda, ou melhor, dominou as ondas na Praia de Tsurigasaki, onde ocorreram as disputas do surfe na Olimpíada de Tóquio (Japão). O potiguar conquistou na madrugada desta terça-feira (27) a primeira medalha de ouro  do surfe, modalidade estreante nos Jogos Olímpicos. Atual campeão mundial, Ítalo dominou a final contra o japonês Kanoa Igarashi, vencendo  por 15.14 a 6.6. A medalha de bronze ficou com o australiano Owen Wright, que venceu o brasileiro Gabriel Medina por 11.97 a 11.77 na disputa pelo pódio.

Italo é o primeiro ouro da história dos Jogos no surfe – Foto: Jonne Roriz / COB

“Eu vim com uma frase para o Japão: “diz amém que o ouro vem”. Treinei muito nos últimos meses e Deus realizou o meu sonho, de me dar a oportunidade de fazer o que eu amo. Ajudar as pessoas e a minha família. Foi entrar na água, sem pressão, e eu consegui o que eu queria”, destacou Ítalo, bem emocionado, à Globo. “Eu queria que minha avó estivesse viva para ver o que eu me tornei e consegui fazer, pelos meus pais e pelas pessoas que estão ao meu redor. Almejei bastante e sonhei. A frase que falei está ao lado da minha cama. Todos os dias eu orei às 3h da manhã, pedindo a Deus que realizasse meu sonho”, acrescentou…. – Veja mais em https://www.uol.com.br/esporte/olimpiadas/ultimas-noticias/2021/07/27/italo-ferreira-faz-historia-no-surfe-e-brasil-leva-1-ouro-nas-olimpiadas.htm?cmpid=copiaecola

Na estreia da competição, Ítalo liderou a primeira bateria, com o somatório de pontos de 13.67. Com esta pontuação, ele ficou à frente do japonês Hiroto Ohhara (11.40), do italiano Leonardo Fioravanti (9.43) e do argentino Lele Usuna (8.27).

Classificado para as oitavas de final, o brasileiro derrotou o neozelandês Billy Stairmand por 14.54 a 9.67. Nas quartas, ele voltou a encarar o japonês Hiroto Ohhara, que esteve presente na bateria inicial. Ítalo mais uma vez levou vantagem, e derrotou o oponente por 16.3 a 11.9.

 

Créditos: Agência Brasil

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: